Blog do Pediatra

Arquivo : escola

Meu filho não quer mais ir à escola, e agora?
Comentários Comente

Dr. Sylvio Renan

Sempre que um pai ou uma mãe chega a meu consultório sem saber como lidar com o pequeno ou pequena que não quer ir para a escola, antes de tudo, tranquilizo-os dizendo que é comum a criança, em qualquer idade, sentir-se insegura ou cansada para enfrentar a rotina da escola. Isso também pode se refletir nas tarefas de lição de casa ao longo do tempo.

O que costumo indicar é que os familiares sempre incentivem e mostrem para a criança que a escola é um lugar de descobertas e de aventuras, que além de conhecer novos amiguinhos e amiguinhas, ela também vai descobrir mistérios da natureza, da ciência e da história, além de conseguir ler, ela mesma, as histórias do livro que deseja.

Contudo, para a criança que a despeito das motivações dos pais, continua a relutar para ir à escola, aconselho a observação sobre mudanças de comportamento, como medo, tristeza, choro ou ansiedade persistentes, que podem indicar alguma ocorrência negativa ou traumática com a criança na escola que possa ter gerado este processo de rejeição, como bullying, falta de acolhimento em necessidade especiais, dificuldade com o ritmo das atividades e assim por diante.

Feito isso, é procurar meios de descobrir sutilmente com a criança o que pode ter acontecido, não em forma de questionamentos diretos sobre problemas, mas inserindo perguntas sobre amigos, professores, atividades de que mais gosta, menos gosta e o que gostaria de mudar se pudesse, e por quais motivos.

Procurar a escola, a professora para identificar deles alguma percepção sobre a criança também é importante e, em casos mais complexos, a busca de auxílio profissional, com psicólogo, pode ser uma boa saída, tanto para a criança como para os pais.

Por fim, converso com os familiares para que sempre escolham a escola que ofereça um ambiente convidativo, motivacional, prazeroso e marcante para a criança, e que integre o processo pedagógico neste contexto. Isto influenciará na aprendizagem, na convivência com todos na escola e em seu desenvolvimento como um todo.

 


< Anterior | Voltar à página inicial | Próximo>